abrasel

Levantamento do World Trave & Tourism Council (WTTC) também apontou que no Brasil turismo representa 8,1% do PIB e gera 7,5% dos postos de trabalho no país

Glória Guevara, presidente e ceo do WTTC/Foto: Emerson Souza


O World Travel & Tourism Council (WTTC) enfatizou a importância da chamada “indústria sem chaminés” para a economia global, que foi responsável em 2018 por injetar de US$ 8,8 bilhões na economia global e atingiu 319 milhões de empregos ao redor do mundo. A estimativa é que esses números cresçam significativamente neste ano.

No Dia Internacional do Turismo, o conselho destacou a relevância do setor, que garante um em cada cinco dos novos empregos criados e deve contribuir com 100 milhões de vagas adicionais nos próximos dez anos. Com esse ano, será possível atingir 421 milhões de fontes de trabalho nesse campo até 2021.

“No ano passado, o setor registrou um crescimento de 3,9%, acima dos 3,2% reportados internacionalmente pelo Produto Interno Bruto (PIB). Com isso, a indústria garantiu oito anos consecutivos em expansão”, comenta a presidente e CEO do WTTC, Gloria Guevara.

“É um grande orgulho fazer parte dessa indústria, que permite o desenvolvimento econômico e social dos países. Parabenizo todas as pessoas que contribuem para o fortalecimento do Turismo de qualquer trincheira, incluindo operadores turísticos, companhias aéreas, redes de hotéis, agentes de viagens, empresas de transporte, restaurantes e, principalmente, os trabalhadores dão suporte diário para se criar uma indústria melhor”, agradece.

“Também reconheço os governos, organizações e autoridades que desencadeiam o crescimento do setor com a implementação de políticas públicas que favoreçam empresários, turistas e, sobretudo, a população de seus países”, afirma.

Fonte: PanRotas

Comentários