Notice: Undefined variable: base in /var/abrasel.com.br/revista/site/templates/head.inc on line 54

Especialista dá dicas para restaurantes melhorarem resultados e a experiência do cliente a partir da transformação digital

Desde o início da pandemia, 94% dos brasileiros mudaram a forma de “comer” no Brasil, conforme dados da pesquisa Future Consumer Index, realizada pela consultoria EY. Nesse novo cenário, restaurantes de todos os portes tiveram que se transformar para sobreviver às transformações do mercado. A digitalização forçada permitiu otimizar a operação, abrindo portas para um novo modelo de gestão.

Essa transformação facilitou o controle de toda a cadeia produtiva do restaurante, partindo do financeiro até o modo como fazer o pedido, reabastecer estoques e delivery. “Utilizamos a tecnologia para otimizar a operação dos restaurantes e agregar valor ao modelo de negócios, permitindo acesso a dados raramente acessados pelos proprietários”, explica Marina Lima, fundadora e CRO da Zak, plataforma de gestão integrada pensada para empoderar restaurantes.

Um sistema inteligente e integrado é capaz de gerar informações que podem ser usadas para melhorar a dinâmica da equipe e, consequentemente, o atendimento ao cliente. Marina listou algumas das soluções que são essenciais para o sucesso dos restaurantes:

Ponto de venda (PDV) digital

O primeiro passo para um empreendimento conectado é o ponto de venda. Registrar pedidos na mesa, enviar direto para a cozinha de forma sincronizada e automática, garante segurança e eficiência na operação, além de contribuir para a redução de fraudes no pagamento, por exemplo.

“A digitalização do PDV não é apenas estética, ela torna a operação mais eficiente e escalável, com maior controle para gestores e melhor experiência para clientes”, explica a executiva.

Programa de fidelidade

Conhecer e ter um relacionamento com o seu cliente é essencial para o negócio crescer. Uma das plataformas para isso é o programa de fidelidade. Há anos trabalhamos a fidelidade com o cartão de papel e carimbos, mas hoje é possível criar tudo online e atingir a mais pessoas de uma única vez.

Esses programas oferecem vantagens diferenciadas como descontos e até cashbacks, isso resulta em aumento na taxa de retorno, maior ticket médio e outros muitos benefícios.

Gestor de pedidos

Outra ferramenta que facilita o dia a dia do time é o gestor de pedidos. Nele, há a integração de todas as etapas da jornada do cliente em tempo real, desde a entrada do pedido até a entrega final, seja no salão ou no delivery.

Essa plataforma organiza em um único lugar os pedidos vindos do salão e também é integrado aos principais agregadores do mercado, além, claro, do delivery próprio do restaurante.

Delivery próprio

Durante a pandemia, a demanda por delivery aumentou e os desafios também. Dificuldades na logística e altas taxas cobradas por agregadores, fizeram com que operadores buscassem por criar deliverys próprios.

Para Marina, o delivery próprio garante mais segurança ao restaurante e aos clientes, pois permite uma linha de comunicação direta entre as duas pontas, além de otimizar o acompanhamento em tempo real, suporte, pagamento integrado, entre outros. “O delivery próprio também permite ao restaurante se aproximar e fidelizar seus clientes, oferecendo diferenciais como ofertas customizadas, sem adicionar complexidade à operação”, complementa.

A transformação digital se tornou essencial para o sucesso de empreendimentos. Apostar em uma solução integrada que traz todos os benefícios e contribui para que os restaurantes prosperem é estratégico para o negócio. “Além de deixar a gestão mais fácil, reduz até 33% nos custos com softwares de gestão e aumenta até 50% de receita mensal, já que agiliza operações e permite que os responsáveis se dediquem às questões mais delicadas do restaurante, como experiência do cliente e atendimento diferenciado”, finaliza a CRO.

Comentários