Marido e mulher por trás dos restaurantes Mocotó e Quebrada Alimentada em São Paulo são campeões em auxiliar na acessibilidade alimentar para resolver o problema da fome no Brasil

Divulgação

Rodrigo Oliveira, proprietário do Mocotó em São Paulo, e a historiadora e defensora dos alimentos Adriana Salay foram nomeadas vencedoras do concurso The Macallan Icon Award, parte do Latin America’s 50 Best Restaurants 2021: Pasado y Futuro. O prêmio agracia os indivíduos cujo trabalho realizado gera mudanças duradouras na indústria alimentícia e na sociedade.

A dupla será homenageada no dia 22 de novembro como parte de uma cerimônia virtual de premiação quando a lista dos "maiores sucessos" de restaurantes, patrocinada por S.Pellegrino & Acqua Panna, serão revelados em uma série de eventos ao vivo em diferentes cidades.

No início da pandemia, quando muitas famílias brasileiras perderam sua renda, Oliveira e Salay fundaram e autofinanciaram a organização sem fins lucrativos "Quebrada Alimentada", convertendo seu principal restaurante Mocotó em um centro de distribuição de alimentos para pessoas que estavam passando por dificuldades.

Por meio da iniciativa e com o apoio da comunidade, eles fornecem mais de 100 refeições diárias e 400 cestas básicas por mês para pessoas em situação vulnerável, famílias e sua rede de agricultores locais, que também enfrentaram uma situação crítica. Desde o início da pandemia, "Quebrada Alimentada" já serviu mais de 80.000 refeições para os famintos.

William Drew, Diretor de Conteúdo do Latin America’s 50 Best Restaurants, diz: "O impacto do compromisso de Rodrigo e Adriana no combate à fome nas áreas mais vulneráveis de São Paulo não pode ser subestimado. Sua visão para o setor de restaurantes teve um impacto direto sobre a comunidade ao seu redor. É com grande respeito e admiração que celebramos seu trabalho como parte da edição de 2021 do Latin America’s 50 Best Restaurants."

Adriana Salay e Rodrigo Oliveira dizem: "Estamos gratos pela plataforma que o 50 Best nos proporcionou para ajudar a resolver o problema da fome em nosso país. O objetivo de um restaurante é nutrir e restaurar seu povo e, juntos, podemos ajudar a apoiar as comunidades mais vulneráveis através destes momentos difíceis. Temos visto grandes progressos, mas ainda há muito trabalho pela frente".

O pai de Oliveira abriu Mocotó em 1973 como uma pequena mercearia e lanchonete nos subúrbios da classe trabalhadora de São Paulo. Em 2002, o jovem Rodrigo assumiu o comando, transformando-o gradualmente na instituição gastronômica brasileira de hoje.

Desde o seu humilde início, ele levou o Mocotó a aparecer em todas as oito edições do Latin America’s 50 Best Restaurants, contando a história de sua família através de ingredientes simples e receitas tradicionais brasileiras.

Oliveira dirige as cozinhas de mais três restaurantes: Mocotó Café, Shopping D e Balaio IMS, enquanto Salay é um ativista contra a fome e a desigualdade no Brasil, bem como professora da Universidade de Campinas. Ela continua a lutar pela justiça, oferecendo cursos online gratuitos sobre temas de nutrição.

Samantha Leotta, Diretora de Marketing LATAM & Caribe de The Macallan, diz: "Temos o orgulho de homenagear Adriana Salay e Rodrigo Oliveira com o Prêmio The Macallan Icon Award. Seu trabalho de inclusão gastronômica e restauração de comunidades é uma prova do poder coletivo da indústria de apoiar grupos vulneráveis em busca de um futuro melhor para todos. Este prêmio celebra sua contribuição para o cenário gastronômico de seu país e seu impacto positivo em sua comunidade. O Macallan Icon Award é uma demonstração da capacidade de solidariedade e união em tempos tão difíceis".

The Macallan Icon Award segue o anúncio de Marsia Taha como Latin America’s Rising Star Female Chef anúncio de listas especiais de prêmios, incluindo os do Estrella Damm Chefs’ Choice Award - Best Reinvention and Gin Mare Art of Hospitality Award. Veja as listas completas aqui . A lista restrita para o American Express One To Watch Award será revelada em 11 de novembro.

Comentários