Começamos mais um ano e com ele traçamos novos projetos, desafios e planos, com objetivo de levar nossos negócios adiante, gerando renda, empregos e impostos, movimentando a economia e fortalecendo o setor da Alimentação Fora do Lar.

Ainda superando as intempéries de 2019, como o aumento da carne, mas apostando e acreditando nas novas políticas do governo federal, que busca facilitar a vida do empreendedor e gerar novas oportunidades de trabalho, como o Programa Verde e Amarelo, acredito ser o momento de pensarmos em nossos negócios de forma estratégica. Ou seja, como podemos crescer acima da inflação e em relação aos anos anteriores? Como atender ao nosso público-alvo, seja pelo preço ou pela qualidade de nossos serviços? Como reduzir nossos custos e reinventar processos (e nosso próprio negócio), de maneira que possamos chegar ao final do ano respirando mais aliviados?

Vivemos também as demandas, cada vez mais necessárias e sem volta, de sermos sustentáveis, o que nos torna diferentes em relação aos concorrentes. A campanha pelo não uso de canudos plásticos, a separação e reciclagem de resíduos, o reaproveitamento dos alimentos, a redução do desperdício, o uso de energia solar e outras tantas ações nos colocam à frente - com vantagens competitivas quando nossos clientes percebem o que estamos fazendo em benefício não apenas de nossos estabelecimentos, mais de um coletivo maior.

Não podemos também marginalizar a força e o impacto das redes sociais em nossas empresas, com avaliações que nos impactam e provocam, com clientes “virtuais” que se sentem à vontade para avaliar nossos serviços, dar palpites e exigir cada vez mais uma oferta de produtos com qualidade a custo baixo, fomentados por aplicativos que fazem promoções impraticáveis.

Diante de todo este cenário, fazer parte de uma associação de classe, como a ABRASEL, nos ajuda a caminhar com mais prudência e calma. Buscar soluções de forma colaborativa e compartilhada é fundamental neste momento e a associação não mede esforços neste sentido: veja o lançamento da AVA (Inteligência Artificial da Abrasel), para esclarecer dúvidas dos principais aspectos na vida dos empreendedores do setor de Alimentação Fora do Lar; da parceria Abrasel-Sebrae oferecendo cursos online, videoaulas e e-books para bares e restaurantes; da presença de lideranças e representantes da associação em importantes comissões na capital federal ou nas sedes estaduais, defendendo nossos interesses.

Um belo exemplo de que podemos ser UM POR TODOS E TODOS POR UM foi a campanha feita pela Seccional de Curitiba, em prol do Restaurante Dedo de Moça, associado Abrasel daquela cidade, que foi destruído por um incêndio e está ressurgindo das cinzas com recursos de um jantar por adesão organizado pelos demais associados e de outras doações. Ações que nos unem, nos fortalecem e nos ajudam a passar pelas tormentas de cabeça erguida.

*Fábio Bertolucci é empresário e presidente da Abrasel no Triângulo Mineiro

Comentários