abrasel

As estratégias do Programa foram apresentadas pelo ministro Marcelo Álvaro Antônio e pelo governador Wilson Lima durante o 8º Seminário Itinerante do Programa Investe Turismo – Manaus; Abrasel e outras instituições representativas do trade participaram do evento

Lançamento do Programa Investe Turismo no Amazonas com a presença do ministro, Marcelo Álvaro Antônio, do governador Wilson Lima e da representante do Sebrae nacional, Ana Clévia Guerreiro

As estratégias do programa “Investe Turismo”, iniciativa do Governo Federal que visa qualificar profissionais e atrair investimentos para o setor de turismo no Amazonas, foram apresentadas nesta terça-feira (9), pelo ministro da pasta, Marcelo Álvaro Antônio, e pelo governador Wilson Lima durante o 8º Seminário Itinerante do Programa Investe Turismo – Manaus, realizado no Palácio Rio Negro, Centro.

"O setor [de turismo] impacta pelos menos 56 atividades econômicas do Brasil. No entanto, apenas 6,6 milhões de turistas estrangeiros e 60 milhões de brasileiros circulam no país todos os anos, numa população de 210 milhões de habitantes", afirmou o ministro.

Os municípios de Novo Airão, Presidente Figueiredo e Manaus ocupam a posição de destaque nas ações previstas pelo programa. Os recursos serão administrados pelo Sebrae junto com as secretarias estaduais.

O governador Wilson Lima enfatizou as iniciativas em infraestrutura e na melhoria do atendimento aos visitantes, atentando para a vocação turística de cada localidade. "É um turista altamente qualificado, que vem dos Estados Unidos e da Europa, e precisa de um padrão diferenciado de atendimento", observou. “O Amazonas é amplo e complexo, portanto é necessário trabalhar as especificidades e riquezas das calhas do rio Madeira, Negro e Solimões”, explicou.

A Abrasel esteve presente no evento, representada pela presidente da Associação no Amazonas, Zeina Russo. "A visita do Ministro a Manaus foi de suma importancia para reforçar seu apoio ao Amazonas e toda a região Norte. Precisamos melhorar nossa participação, buscando projetos inovadores e atraentes para facilitar e despertar o desejo nas pessoas de virem conhecer o Amazonas. O primeiro passo ja foi dado com a dispensa do visto para alguns países virem para o Brasil", manifesta a presidente. "Ninguém faz nada acontecer sem boas parcerias e união. Facilitar a vida de quem empreende no Brasil é uma das metas do Governo. No mesmo dia o superintendente da Suframa, chamou todas as entidades para saber quais são os gargalos que impediram o crescimento do turismo no estado", complementa Zeina Russo.

"Para o Turismo ter sucesso precisa que ocorra o processo de desenvolvimento do território, por isso a governança tem um papel significativo. E aqui há uma atuação integrada entre a Amazonastur e o Sebrae Amazonas, junto com o empresário e o trade turístico", considerou a representante do Sebrae nacional, Ana Clévia Guerreiro.

Capitaneado pelo Ministério do Turismo em parceria com o governo do Amazonas e o Sebrae, o programa irá contemplar trinta rotas turísticas no Brasil.

* Com informações do Portal A Crítica

Comentários